Filho de bispo confessa assassinato dos pais adotivos

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 05/03/2012 às 15:44
Leitura:
Da Rádio Jornal Em depoimento prestado à polícia neste sábado (3), logo após ter alta do hospital da Restauração, Eduardo Olimpio Cavalcanti, de 29 anos, filho adotivo do bispo da igreja anglicana, Robinson cavalcanti, e sua esposa Miriam Cotias Cavalcanti, confessou ter assassinado o casal no último dia 26, dentro de casa, no bairro dos Bultrins, em Olinda. Eduardo afirmou que foi movido pelo sentimento de mágoa contra os pais adotivos. Ele passou 13 anos nos Estados Unidos e havia chegado ao Brasil poucos dias antes do assassinato. O delegado do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) Joselito Kehrle deu os detalhes sobre o depoimento de Eduardo em etrevista coletiva nesta segunda-feira (5). Ouça o resumo do caso na reportagem de Karoline Fernandes.

Mais Lidas