Juiz acusado agredir mulheres em bar de Casa Amarela vai a juri

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 05/03/2012 às 16:13
Leitura:
Da Rádio Jornal Atualizado às 17h41 A Corte Especial do Tribunal de Justiça de Pernambuco julgou nesta segunda-feira (5) o caso do juiz Joaquin Lafayette Neto, titular da 5ª vara criminal de Pernambuco. Ele é acusado de cometer faltas disciplinares, uma vez que estava embreagadao em um bar do bairro de Casa Amarela, onde teria agredido mulheres  e urinado na rua. Após cerca de 2h30 de julgamento, o tribunal optou que o juiz Lafayette Neto fosse apenado apenas com censura, que é uma forma mais forte de punição. Acompanhe os detalhes da sentença na reportagem de Rafael Carneiro.

Mais Lidas