Operação fecha Canário Clube na Madalena, por crime ambiental

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 19/03/2012 às 14:15
Leitura:
Da Rádio Jornal Atualizado às 15h57 Foram apreendidas 230 aves e 75 pessoas foram detidas em flagrante em uma rinha de pássaros na manhã deste domingo (18), durante uma operação do Ibama, Polícia Rodoviária Federal e Ministério Público de Pernambuco, deflagrada em um Canário Clube, no bairro da Madalena, Zona Oeste do Recife. Todos os domingos havia uma rinha de pássaros na sede do clube, que foi criado em 1995 e funcionava sem autorização. De acordo com o Ibama, para assistir ou participar, os sócios pagavam R$ 5 e os visitantes, R$ 10. As aves foram encontradas em bom estado de saúde e serão soltas no Agreste de Pernambuco, próximo ao município de Caruaru. A operação, denominada de canarinho, foi desencadeada depois que o Ibama recebeu, no ano passado, algumas denúncias anônimas sobre a prática ilegal. Entre os detidos estão um coronel aposentado da Polícia Militar e um homem com uma carteira falsa de Policial Ferroviário Federal. O inspetor da PRF, Éder Rommel, explica os detalhes da operação, desencadeada:

Mais Lidas