Agricultor condenado a 34 anos de prisão pode pedir novo julgamento


Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 21/03/2012 às 12:46
Leitura:
José Marques Sobrinho é acusado de matar uma enfermeira e o filho dela, um estudante de medicina, a tiros e facadas. O crime aconteceu em março de 2009, em Calumbi, distrito do município de Flores, no sertão pernambucano. José Marques foi condenado por duplo homicídio triplamente qualificado por motivo fútil, meio cruel e sem dar chance de defesa às vítimas. Maria Constância Filho e Anderson Marcelo da Silva foram mortos dentro da casa onde moravam. O homem, que cometeu o assassinato por vingança, cumprirá pena em regime fechado no presídio de Salgueiro, no sertão. O agricultor foi preso em abril de 2009, na casa do irmão, no município de Serra Talhada, também no Sertão. O irmão de Maria Constância, Adálio Braz, esteve no julgamento e diz que o crime aconteceu por conta de inveja:

Mais Lidas