Agricultor é preso em Itamaracá por abusar sexualmente das filhas


Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 21/03/2012 às 16:00
Leitura:
Da Rádio Jornal Foi encaminhado ao Centro de Triagem de Abreu e Lima (Cotel) o agricultor de 74 anos residente na Ilha de Itamaracá, acusado de estuprar durante mais de sete anos as suas duas filhas com idades de 13 e 15 anos. A investigação começou há cerca de uma semana e culminou com a prisão do homem nesta quarta-feira (21).  Os crimes ocorriam na residencia da família e apesar do acusado negar os crimes, o delegado explica que os exames sexológicos feitos com a garota mais jovem revelaram que realmente houve conjunção carnal com a criança. As meninas não denunciavam porque eram ameaçadas pelo pai. Saiba mais na reportagem de Renato Barros:

Mais Lidas