Agentes socioeducativos da Funase de Abreu e Lima paralisam atividades


Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 12/04/2012 às 13:39
Leitura:
Agentes socioeducativos da Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase) de Abreu e Lima, na Região Metropolitana do Recife, estão com as atividades paralisadas desde às 19h dessa quarta-feira (11). Eles protestam contra uma medida do Ministério Público de Pernambuco, que decidiu afastar 13 agentes da unidade, sob a legação de truculência contra reeducandos nas últimas rebeliões. Além disso, os funcionários reclamam risco de vida, melhores salários e mais segurança na Funase. O Batalhão de Choque esteve na unidade nesta quinta-feira (12) para garantir a segurança dos reeducandos e evitar qualquer princípio de rebelião. Ouça as reivindicações dos agentes na reportagemde Renato Barros:

Mais Lidas