Salgueiro vence o Santa Cruz de virada e ganha vantagem

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 22/04/2012 às 18:58
Leitura:
O jogo entre Salgueiro e Santa Cruz pela primeira partida da semifinal do Campeonato Pernambucano Coca-Cola 2012 foi morno no começo e corrido no final. De virada, o Carcará bateu a Cobra coral por 2x1, de virada. A partida foi disputada na tarde deste domingo (22), no estádio Cornélio de Barros, em Salgueiro, no Sertão do Estado. Com poucos lances de perigo no primeiro tempo os dois times resolveram o placar no segundo tempo. O primeiro gol saiu aos aos 25 minutos quando o lateral do Santa cruz, Renatinho, fez boa jogada individual e chutou. O goleiro do Salgueiro, Luciano, não conseguiu segurar a bola e Branquinho mandou para as redes. Aos 35 minutos, o lateral do Salgueiro, Marcos Tamandaré, tentou cruzar e acabou acertando o gol, surpreendendo o goleiro Tiago Cardoso. O gol animou a torcida incentivando o time que logo após o empate consegiu a virada. A jogada do segundo gol do carcará foi aos 43 minutos, em um cruzamento de Tamandaré que Edmar, de carrinho, empurrou para as redes. Com esse placar, o Santa Cruz precisa ganhar por uma vitória simples no jogo do Arruda se quiser se garantir na final do Campeonato Pernambucano. A data da partida ainda não tem data marcada, podendo acontecer na segunda-feira (30) ou na terça-feira (1º). Acompanhe emoção dos gols da partida na voz de Natan Oliveira: Ficha do jogo: Salgueiro: Luciano; Marcos Tamandaré, Alemão, Luiz Eduardo e Peri; Josa, Pio, Vitor Caicó (Júnior Ferrim) e Clebson (Edmar); Fabrício Ceará e Elvis. Técnico: Neco. Santa Cruz: Tiago Cardoso; Diogo, Willians, Leandro e Renatinho; Memo (Vágner), Pedra, Chicão e Luciano Henrique (Maranhão); Geilson e Flávio Recife (Branquinho). Técnico: Zé Teodoro. Local: Cornélio Barros, em Salgueiro. Árbitro: Nielson Nogueira. Assistentes: Elan Vieira e Charles Rosas. Assistentes Adicionais: Erique Rocha e Enéias Leite. Gol: Branquinho,aos 25 minutos, Marcos Tamandaré, aos 35, e Edmar, aos 42 minutos do segundo tempo. Expulsão: Geílson. Público: 8.740. Renda: R$ 122.790.

Mais Lidas