Família de estudante assassinado no lugar do irmão pede segurança de vida

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 04/06/2012 às 9:27
Leitura:
Do Redator de Plantão O corpo de Leonardo Ramos da Silva, de 17 anos, foi sepultado neste domingo (03), sob clima de forte comoção. Ele foi assassinado a tiros no final da tarde da última sexta-feira (1º), na frente da residência, no Morro da Conceição, Zona Norte do Recife. O estudante do ensino médio se preparava para fazer vestibular de pedagogia e atuava como voluntário do Educação para Jovens e Adultos (EJA). A polícia apurou que Leonardo Ramos da Silva foi morto por traficantes, embora o alvo tenha sido o irmão mais velho dele. Elizabeth Ramos dos Santos, mãe do adolescente, se recupera de cirurgia no Hospital Otávio de Freitas, Zona Oeste da cidade, e não corre risco de morte. A família do jovem teme que os assassinos voltem para executar o dependente químico endividado e outros parentes. Cleidson Francisco, tio de Leonardo Ramos da Silva, afirma que todos estão assustados, pois o agressor continua em liberdade: Os alunos das escolas Sílvio Rabelo e Nadir Colaço compareceram em grande número ao velório de Leonardo Ramos da Silva. Eles prestaram homenagem ao jovem que estava prestes a concretizar o sonho de ser um professor. O assassinato será investigado pelo Departamento de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP). A professora Alice Fontinelli diz que o sonho do adolescente era se tornar educador de português:

Mais Lidas