Da Costa está fora: PT trará nas eleições municipais de outubro o senador Humberto Costa


Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 26/06/2012 às 8:34
Leitura:
Do Redator de Plantão

Diretório nacional do PT enterra de vez possibilidade do prefeito do Recife, João da Costa, sair candidato a reeleição. Se não ficar conformado, ele tem ainda a opção de ingressar com uma ação na justiça, mesmo sendo uma possibilidade remota. O petista e o grupo político vão passar a manhã desta terça-feira (26) reunidos no Recife para tomar decisões. Em Brasília, o placar foi desfavorável a João da Costa: 19 votos a favor do recurso e 49 contra. Por enquanto, resta ao prefeito poucas alternativas como o fato de apoiar Humberto Costa    ou pedir licença do Partido dos Trabalhores e assiste de camarote o duelo Humberto Costa e Geraldo Júlio pela Frente Popular. Sem esconder o descontentamento, João da Costa não acompanhou até o fim o julgamento do recurso em Brasília. O prefeito do Recife tenta manter o discurso de que ainda tem uma sobrevida no embate com a legenda: A luta de João da Costa para se firmar como candidato a reeleição do PT durou cerca de três meses. Ele encarou o secretário estadual de governo Maurício Rands e venceu nas plenárias com diferença de mais de 500 votos. O candidato oficial do partido dos trabalhadores também falou para a Rádio Jornal na tarde desta segunda-feira (25). O senador acredita que o prefeito vai reforçar o palanque diante do número de legendas com o PSB. O petista prevê que será um embate dificil em todos os aspectos, sobretudo na área financeira. Humberto Costa afirma que o momento é de unir forças para manter vivo o projeto político independente das circunstâncias:

Mais Lidas