A última cena da carreira política de Maurício Rands


Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 04/07/2012 às 17:09
Leitura:
Do Redator de Plantão da Rádio Jornal Aos 50 anos o, agora ex-petista, Maurício Rands teve uma trajetória ascendente: três mandatos como     deputado federal. Neste período chegou a ser líder do governo Lula na câmara o que rendeu visibilidade nacional. Atualmente ocupava o cargo de Secretário Estadual de Governo na gestão do governador Eduardo Campos. Maurício Rands chegou a ser pré-candidato a prefeito do Recife mas acabou desistindo dias depois. Nessa quinta-feira (4), ele divulgou carta onde anuncia a desfiliação do Partido dos Trabalhadores e a saída do secretariado. Advogado de formação, o ex-petista está renunciando inclusive o mandato de deputado federal em Brasília. Maurício Rands critica com o que considera imposição da executiva nacional na hora de indicar o candidato a prefeito. Ele também argumenta que faltou diálogo com a militância no Recife para definir o melhor caminho eleitoral. O presidente estadual do PT, o deputado federal Pedro Eugênio defende a postura dos dirigentes     da instância maior: Em nota, o governador Eduardo Campos lamentou a saída de Rands e já convocou o substituto o secretário executivo Lauro Gusmão. Também em texto, o senador e candidato a prefeito do Recife pelo PT,  Humberto Costa, se mostrou surpreso. O deputado federal e candidato a vice João Paulo atribui a uma frustração com a política a decisão do agora ex-petista. O cientista político túlio velho barreto afirma     que existem vencedores e vencidos neste episódio: Leia a carta divulgada nesta quarta-feira (4) pelo deputado federal Maurício Rands, onde anunciou que se desfiliou do PT, entregou seu cargo de parlamentar ao partido e também deixará a secretária de Governo do Estado. Carta na íntegra no link a seguir: Carta ao povo de Pernambuco.

Mais Lidas