Professores da UFPE rejeitam proposta salarial do governo e greve continua

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 20/07/2012 às 7:44
Da Rádio Jornal Após pouco mais de dois meses de greve, os professores da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) rejeitaram a proposta de reajuste de salarios oferecida pelo governo federal. O valor de 45% não foi aceito por unanimidade, após assembleia realizada nesta quinta-feira (19). A categoria alega que a proposta exclue os aposentados, não respeita a lei de diretrizes e bases da educação e também a constituição federal ao aumentar a carga mínima de horas/aula em 50%. Saiba mais no flash de Renato Barros, especial para a Rádio Jornal.