Encontro define futuro dos comerciantes durante reforma do Mercado de Cavaleiro

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 25/07/2012 às 7:51
Do Redator de Plantão O clima entre os locatários é de tensão após os últimos acontecimentos na manhã desta terça-feira (25). Dois boxes do Mercado de Cavaleiro foram arrombados por homens com fardas da prefeitura de Jaboatão dos Guararapes, Grande Recife, sem qualquer ordem judicial. Os comerciantes alegam que estão sendo ameaçados de perder de uma hora para outra a única fonte de renda. Na semana passada, dois pequenos estabelecimentos foram desocupados sem que os donos pudessem negociar com o poder público. O espaço, que está sendo oferecido no entorno da Praça Rita Coelho, não dispõe das mesmas condições de venda. Além disso, os comerciantes reclamam que há a concorrência de outras pessoas estranhas ao mercado. Há cinco anos no varejo, Maria da Conceição Del Prete relata o sofrimento de quem luta para ganhar o pão: O novo Mercado Público de Cavaleiro, em Jaboatão dos Guararapes, terá recursos do governo estadual. O projeto 914 boxes, 488 bancas e 400 vagas de estacionamento. Na manhã desta quarta-feira (25), no salão da igreja do bairro, serão sorteados os espaços para que os comerciantes possam ocupar durante a obra. O secretário executivo de desenvolvimentoeconomico do município Jackson Rocha afirma que as intervenções são necessárias: