Familiares das vítimas da Noar Linhas Aéreas devem se reunir com o Ministério Público Federal

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 25/07/2012 às 11:53
Do Redator de Plantão Depois do encontro com delegado da polícia federal (PF), familiares das vítimas da tragédia da Noar vão se reunir com o Ministério Público Federal. A idéia é ter acesso a todas as informações sobre a queda do bimotor Let-410 de fabricação tcheca. O acidente em julho do ano passado resultou na morte de 16 pessoas entre tripulantes e passageiros. A aeronave da Noar Linhas Aéreas caiu minutos depois de sair do Aeroporto do Recife com destino a Mossoró, no Rio Grande do Norte. Nesta terça-feira (24), integrantes da Associação dos Familiares e Amigos das Vítimas do Vôo da Noar se reuniram com o delegado Antônio de Pádua. A polícia federal não detalha o andamento das investigações, mas espera concluir o inquérito ainda este ano. O grupo vai procurar o Ministério Público Federal com o intituito de solicitar agilidade no caso. Geyson Soares, presidente da Associação dos Familiares e Amigos das Vítimas do Vôo da Noar faz um balanço do encontro com a PF: