Santa Cruz faz 6x1 contra Águia de Marabá, no Arruda

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 25/08/2012 às 18:17
Leitura:
Nada mais, nada menos que 6x1. Neste sábado (25), o Santa Cruz deu uma goleada no Águia de Marabá no Arruda, pela 9ª rodada da Série C do Brasileirão. O time paraense vinha deu uma vitória de 5x1 sobre o Treze, mas o Santa fez mais. Dênis Marques, Éverton Sena, Fabrício Ceará, Leandro Oliveira e Leozinho foram os heróis da partida, mostrando um time que se encontrou no segundo tempo, depois de notar as falhas na marcação. PRIMEIRO TEMPO - O Santa Cruz terminou o primeiro tempo com o placar de 2x1. Foram bons 45 minutos, com ataque criativo e cheio de opções. Antes, Dênis Marques era a única chance da Cobra Coral. No jogo de hoje, esta ideia caiu um pouco, o time teve mais opções ofensivas. O primeiro gol saiu logo aos 8 minutos dos pés de Éverton Sena, após cobrança de falta. Um minuto depois, em uma falha coletiva, o Águia de Marabá empatou a partida atraveés de Juliano, também depois de uma cobrança de falta. A zaga do Santa não avançou na bola e sobrou para o goleiro Fred, que não conseguiu segurar também o chute do adversário. O segundo gol do Santa Cruz foi uma criação de Dênis Marques e Fabrício Ceará, que desviou da marcação com um giro na meia lua e chutou confiante, marcando 2x1 para o Santa Cruz. Até o fim do jogo, o Santa Cruz começou a sentir falta de um volante, que o técnico Zé Teodoro tirou para adicionar um meia. O time estava com dificuldades para marcar o Águia de Marabá, que avançou quando começou a perder. Muitas faltas foram cometidas porque o tricolor não conseguia roubar as bolas, e as faltas começaram a ameaçar o time pernambucano. Felizmente o problema foi corrigido e o time se equilibrou antes do fim do primeiro tempo. SEGUNDO TEMPO - No retorno, o Santa Cruz parece ter se encontrado em definitivo. Aos três minutos do segundo tempo, a cobra coral ampliou o placar para 3x1, com um gol de Dênis Marques. Em uma jogada que parecia que não ai dar certo, Dênis recebeu um cruzamento de Maizena, cabeceou e a bola entrou. Cerca de 20 minutos depois, o próprio Dênis Marques se envolveu na jogada do quarto gol, onde ele tentou dar uma bicicleta e foi empurrado. O juiz não marcou o pênalti, deixou o lance seguir e o gol saiu: Leandro Oliveira pegou a sobra e colocou a bola pra dentro da rede. Não tinha como dizer que era sorte, não tinha acaso que justificasse. O Santa Cruz estava jogando muito bem, e o resultado ainda não tinha chegado a um ponto final.  O quinto gol veio com Leozinho, que aproveitou uma falha do goleiro Marcelo Cruz para ampliar ainda mais o placar no estádio do Arruda; pôs a bola dentro de um gol que estava sem goleiro. Aos 43 do segundo tempo, quando todos pensavam que o 5x1 já era suficiente para o Águia de Marabá, que já vinha de uma vitória de 5x1 contra o Treze, veio um pênalti. Luciano Henrique foi empurrado dentro da área e Dênis Marques cobrou com elegância. Foram seis gols, sendo dois de Dênis Marques, o que prova que o atacante não foi a única peça chave da partida. Todos os jogadores conseguiram vencer a adversidade do primeiro tempo, onde a marcação estava duvidosa, e fizeram uma partida muito bem-sucedida. Agora, o Santa Cruz se encontra em terceiro lugar na tabela da série C, com 13 pontos. A continuação da rodada acontece neste domingo, mas o Santa não fica ameaçado no G4. Confira a classificação da série C após o jogo desta tarde: 1 - Fortaleza - 20 pontos 2 - Luverdense - 18 pontos 3 - Santa Cruz - 13 pontos, 19 gols 4 - Paysandu - 13 pontos, 11 gols 5 - Salgueiro - 12 pontos, 2 derrotas 6 - Águia de Marabá - 12 pontos, 3 derrotas 7 - Icasa - 11 pontos 8 - Treze - 7 pontos, 2 vitórias 9 - Cuiabá - 7 pontos, 1 vitória 10 - Guarany de Sobral - 4 pontos

Mais Lidas