Familiares de músico acreditam que causa da morte seria um latrocínio


Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 06/09/2012 às 15:51
Leitura:
Da Rádio Jornal A morte do contrabaixista Lito Viana - vítima de bala perdida - deixa cena musical pernambucana de luto. O enterro do músico foi nesta quinta-feira (06), no final da manhã, no Cemitério da Saudade, em Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife. Familiares e amigos acompanharam o velório. Na noite do último domingo (02), o músico, de 53 anos, estava com um grupo de amigos numa casa na praia de Gaibú, no Cabo de Santo Agostinho, Região Metropolitana do Recife, quando foi atingido por uma bala perdida. A polícia deve iniciar nesta quinta (06) as investigações, já que familiares acreditam que o fato aconteceu depois de uma tentativa de assalto. Ouça, abaixo, a reportagem de Rafael Carneiro, colaborador da Rádio Jornal. Jailson José dos Santos Viana, conhecido como Lito Viana trabalhou com a banda Cascabulho, Sérgio Ferraz e atualmente era músico da cantora Isaar França. Rafael Carneiro também esteve no IML, na manhã desta quinta-feira (06), onde constatou a não retirada rápida do corpo do músico do local, pelos familiares. Entenda os motivos do atraso no enterro no flash abaixo.

Mais Lidas