Trio acusado de assassinatos e canibalismo é encaminhado para Hospital de Custódia


Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 25/10/2012 às 19:40
Leitura:
Da Rádio Jornal Já está no Hospital de Custódia e Tratamento Psiquiátrico de Itamaracá, na Região Metropolitana do Recife, o trio acusado de assassinatos e práticas de canibalismo nas cidades de Olinda, no Grande Recife, e Garanhuns, no Agreste. Jorge Negromonte, de 50 anos, Isabel Cristina, de 51, e Bruna Cristina de Oliveira, de 25 anos, foram encaminhados ao local nesta quinta-feira (25), depois de uma audiência de instrução, realizada no Fórum de Olinda, para ouvir seis testemunhas do caso envolvendo a morte de Jéssica Camila da Silva Pereira, ocorrido no ano de 2008. A jovem, que na época tinha 17 anos, teve o corpo esquartejado e a carne utilizada para consumo humano. A decisão da juiza da vara do Tribunal do Juri de Olinda, Maria Segunda Gomes, pela transferência do trio do presídio de Pesqueira, no Agreste pernambucano, para o Hospital de Custódia, partiu de um requerimento de instauração de incidente mental, movido pelos advogados de defesa dos acusados. Inicialmente, eles devem permanecer por 45 dias no local, onde serão submetidos a testes de sanidade mental. Já a irmã de criação de Jorge Negromonte, Severina Maria da Silveira, acredita que tudo não passa de uma farsa de Jorge. No próximo dia 14 de dezembro, uma nova audiência de instrução e julgamento está marcada. Dessa vez, o delegado responsável pelo caso da morte de Jéssica vai prestar depoimento, junto com os três réus. Saiba mais nos flash de Renato Barros, especial para Rádio Jornal. Repórter  acompanhou toda a audência.

Mais Lidas