GPCA investiga suposto abuso sexual envolvendo professor e alunas no Grande Recife


Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 01/11/2012 às 17:25
Leitura:
Da Rádio Jornal A Gerência de Polícia da Criança e do Adolescente, GPCA, está investigando o caso de quatro meninas de 12, 13 e 14 anos que denunciaram às mães que foram assediadas por um professor. O caso aconteceu no município de Igarassu, no Grande Recife. Em Cruz de Rebouças, uma menina de 13 anos também contou à mãe que vem sendo assediada pelo mesmo professor de matematica. Lá ele ministra aula em uma escola particular. Outras três estudantes com idades entre 12 e 14 anos também denunciaram o homem. Em um relato de uma das vítimas, o professor chegou ao ponto de  pedir a uma das alunas para tirar a virgindade da menina em troca de aprová-la nas provas. De acordo com o delegado Jorge Ferreira, que recebeu a denúncia, a diretora do colégio em Igarassu foi quem procurou a GPCA, acompanhada dos pais das alunas, para registrar o boletim de ocorrência. O professor foi afastado da sala de aula e, se ficar provado que as denúncias são verdadeiras, ele será demitido pela direção da escola. Ele vai prestar depoimento na próxima semana.

Mais Lidas