Órgãos do piloto que sofreu acidente no Aeroclube do Pina, Zona Sul, serão doados


Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 05/11/2012 às 15:25
Leitura:
Da Rádio Jornal

Ainda não foi identificada a causa da morte do piloto brasiliense Paulo Afonso de Oliveira Lins, de 55 anos, que sofreu um acidente na última sexta-feira (02), ao tentar fazer um pouso forçado na área do Aeroclube do Pina, na Zona Sul do Recife. Paulo Afonso, pilotava uma aeronave do tipo ultraleve, e tinha saído da cidade de  Natal, no Rio Grande do Norte, para participar de uma competição na capital pernambucana. Há suspeitas de que ele tenha tido um mal súbito. O piloto foi encaminhado à emergência do Hospital da Restauração, área central do Recife, e em seguida transferido para a UTI do Hospital Português, onde estava internado em estado grave, porém estável. A morte cerebral foi constatada no domingo. A família informou que já autorizou a doação dos órgãos. As causas da morte só serão identificadas a partir de perícia por parte do Instituto de Medicina Legal, conforme apontou o especialista em resgate aeromédico e porta-voz da familia, Rafael Cunha. O médico relatou que o piloto foi resgatado ainda com vida, e que a equipe de salvamento conseguiu reverter o quadro de parada cardíaca ainda no local do acidente. Ouça a entrevista na reportagem de Karoline Fernandes, da Rádio JC / CBN

Mais Lidas