É exonerado pela Polícia Civil o comissário acusado de matar ex-mulher


Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 11/12/2012 às 16:46
Leitura:
Da Rádio Jornal Foi exonerado da Polícia Civil o comissário Eduardo Moura Mendes, acusado de matar a professora Izaelma Cavalcante Tavares, em dezembro do ano passado. O decreto foi publicado no diário oficial do Poder Executivo. Eduardo assassinou a tiros a ex-mulher na frente do filho do casal, que na época tinha cinco anos de idade. Depois do crime, ele ficou foragido e foi preso no último mês de outubro. Desde então, o ex-policial está detido no Cotel, em Abreu e Lima, no Grande Recife, aguardando julgamento. A criança vive hoje com a avó materna na Cidade Tabajara, em Paulista, também na Região Metropolitana.

Mais Lidas