Motorista envolvido no acidente que matou atendente de call center responderá em liberdade

Da Rádio Jornal

Do Redator de Plantão Motorista envolvido no acidente que matou atendente de call center do Jornal do Commercio vai responder ao inquérito em liberdade. Bruno Pereira de Queiroz, de 23 anos, é analista fiscal e prestou depoimento, nesta segunda-feira (10), na Delegacia de Delitos de Trânsito. Ele negou ter ingerido bebida alcoólica na festa e justificou a fuga logo após a batida na moto na Avenida Caxangá, no Cordeiro, Zona Oeste do Recife. Ana Paula Santana, de 23 anos, que estava na garupa de uma moto, morreu na hora. O marido, Eduardo Rocha de Oliveira, saiu ferido. O motoqueiro permanece internado no Hospital da Restauração, no Derby, área central da cidade, e não corre risco de morte. No depoimento, Bruno Pereira de Queiroz disse que se distraiu ao atender o aparelho celular, no início da manhã, do último sábado (08). O delegado de delitos de trânsito Newson Mota tem 30 dias para concluir o inquérito sobre a morte de Ana Paula Santana. Esídio Lopes, pai da vítima faz um desabafo emocionado que reúne a dor, a perda, a revolta e a sensação de impunidade: [uolmais_audio 14217903]

TAGS

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

CONTINUE LENDO