Motorista envolvido no acidente que matou atendente de call center responderá em liberdade


Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 11/12/2012 às 7:15
Leitura:
Do Redator de Plantão Motorista envolvido no acidente que matou atendente de call center do Jornal do Commercio vai responder ao inquérito em liberdade. Bruno Pereira de Queiroz, de 23 anos, é analista fiscal e prestou depoimento, nesta segunda-feira (10), na Delegacia de Delitos de Trânsito. Ele negou ter ingerido bebida alcoólica na festa e justificou a fuga logo após a batida na moto na Avenida Caxangá, no Cordeiro, Zona Oeste do Recife. Ana Paula Santana, de 23 anos, que estava na garupa de uma moto, morreu na hora. O marido, Eduardo Rocha de Oliveira, saiu ferido. O motoqueiro permanece internado no Hospital da Restauração, no Derby, área central da cidade, e não corre risco de morte. No depoimento, Bruno Pereira de Queiroz disse que se distraiu ao atender o aparelho celular, no início da manhã, do último sábado (08). O delegado de delitos de trânsito Newson Mota tem 30 dias para concluir o inquérito sobre a morte de Ana Paula Santana. Esídio Lopes, pai da vítima faz um desabafo emocionado que reúne a dor, a perda, a revolta e a sensação de impunidade:

Mais Lidas