Grito por justiça marca sepultamento da professora assassinada em Palmares


Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 14/12/2012 às 9:48
Leitura:
Do Redator de Plantão Grito por justiça marca sepultamento da professora assassinada em Palmares horas depois de receber o divórcio. Cerca de 200 pessoas acompanharam a caminhada pelas principais ruas do Centro da cidade de Catende, na Zona da Mata Sul. A educadora foi velada na câmara de vereadores e recebeu homenagens de familiares, amigos e estudantes. Lilian do Araújo Amaral Ferreira, de 39 anos foi assassinada a tiros no interior do veículo. A filha dela, uma menina de 4 anos, estava no carro e, segundo a polícia, não sofreu ferimentos. O crime foi praticado na frente da residência na Rua Padre Bruno, no bairro Nova Palmares, na noite desta quarta-feira (12). Dois homens em uma moto, ainda não identificados, foram os autores dos vários disparos contra a professora. Na tarde desta quinta-feira (13), Lilian do Araújo Amaral Ferreira recebeu os documentos da separação. A polícia já iniciou a ouvida dos parentes, entre os quais o segundo marido da vítima que não teve o nome revelado.

Mais Lidas