Em jogo apático, Santa Cruz perde por 1 x 0 para o Chã Grande dentro do Arruda


Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 14/03/2013 às 22:27
Leitura:
Da Rádio Jornal Com informações do Blog dos Bastidores Com um futebol considerado fraco e sem criatividade, o Santa Cruz não conseguiu repetir a mesma atuação na vitória contra o Central e perdeu em pleno Arruda para o Chã Grande por 1x0. Com o resultado, o Tricolor se afasta da pontuação do Náutico, que é o líder do Estadual, com 15 pontos. O Santa amarga a permanência nos  12 pontos e a segunda colocação. O primeiro tempo foi bastante parado, sem jogadas de velocidade e com muitos toques. Era visível que a ausência do meia Natan fez falta à equipe coral. Everton Heleno não conseguiu substituir o jogador, e pecou bastante na criação. No Chã Grande, também não foi muito diferente. A equipe do interior optou pela defesa e contra-ataques, mas aschances foram poucas. Os visitantes limitaram-se aos chutes de fora da área. O destaque foi o atacante Flávio Caça-Rato, que foi o que mais ofereceu perigo ao goleiro do Chã Grande.Na melhor chance, aproveitou sobra na grande área e acertou a trave. A monotonia da primeira etapa só foi quebrada nos minutos finais, e graças à arbitragem, que assinalou pênalti de Vágner em Jhulian. O mesmo jogador foi para a cobrança e abriu o placar aos 38 minutos. No segundo tempo, nem com as substituições o time engrenou e até mesmo Flávio Caça-Rato passou a errar. Mesmo com a expulsão do atacante Jhulian, que já tinha amarelo e simulou falta recebendo o segundo, o jogo não avançou. Faltou qualidade para criar melhores jogadas. Do outro lado, o Chã Grande contentou-se em defender e segurar o resultado. A estratégia acabou dando certo. Como tinha um adversário inoperante para criar chances de perigo, o time do interior conseguiu segurar o placar até o fim da partida. Ao apito do árbitro, mais vaias para a equipe e para o técnico Marcelo Martelotte. Ouça o gol da partida. Escute o comentário de Ralph de Carvalho sobre o jogo.

Mais Lidas