Náutico perde no estádio dos Aflitos para o Ypiranga, por 2 x 0, no dia do aniversário


Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 07/04/2013 às 18:19
Leitura:
Da Rádio Jornal Atualizado às 19h45 O Náutico estaria comemorando os 112 anos com alegria se o placar do jogo contra o Ypiranga refletisse essa sensação. Mas não foi isso que aconteceu e, na partida da festa, neste domingo (07), o Timbú perdeu para o Ypiranga por 2 x 0, dentro do estádio dos Aflitos, Zona Norte do Recife. Uma derrota insosa, apática, resultado da atuação insosa e apática dos jogadores alvirrubros. A torcida se revoltou. Logo no começo do jogo, quando o narrador do Náutico anunciou o nome do treinador Vágner Mancini, o público vaiou. Reclamações, xingamentos contra o técnico aumentaram ainda mais no final do primeiro tempo, quando o Náutico já perdia por 1 x 0. Depois que o Timbú levou mais um gol no segundo tempo, a torcida pedia a cabeça de Mancini e gritava olé quando os jogadores do time adversário seguravam a bola nos pés. No final da partida, Mancini disse que não jogaria a toalha, mas foi demitido e não é mais o treinador do Timbú. A diretoria informou que novo nome será anunciado em breve. O próximo jogo do Náutico é contra o CRAC, de Goiás, na quarta-feira (10). Pelo Campeonato Pernambucano o alvirrubro joga contra o Serra Talhada, domingo, dia 14. Ouça, abaixo, os dois gols do Ypiranga, com narração de Roberto Queiroz FICHA DA PARTIDA - NÁUTICO 0 X 2 YPIRANGA Náutico: Felipe; Auremir, Alison, Alcides e Bruno Collaço; Rodrigo Souto, Martinez, Giovanni Augusto (Vinícius Pacheco) e Marcos Vinícius (Jones Carioca); Elton e Rogério. Técnico: Vágner Mancini. Ypiranga: Jaílson; Danilo, Hugo e Egon; Diogo, Jefferson Piauí, Marcinho, Dacio (Beto) e Lincoln; Elivélton (Guilherme) e Danúbio. Local: Estádio dos Aflitos. Horário: 16h. Árbitro: Arilson Bispo da Anunciação (BA). Assistentes: Ricardo Chianca (PE) e Bruno Alcântra (PE).Gol: Danúbio (Aos 42 do 1T) e Diogo (Aos 35 do 2T) para o Ypiranga; Cartões amarelos: Jones Carioca, Alcides (Náutico); Marcinho, Beto e Jaílson (Ypiranga). Cartão vermelho: Auremir (Náutico) Público: 7.345; Renda: R$ 58.449,00

Mais Lidas