Chuvas intensas mostram que o Grande Recife não está preparado para o inverno

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 18/05/2013 às 13:04
Leitura:
Do Redator de Plantão                        A sexta-feira (17) vai ficar por um bom tempo na memória das pessoas por conta dos transtornos. O trânsito travou, a rede elétrica apresentou problemas, vários serviços foram suspensos e o comércio amargou prejuízos. A chuva alterou a rotina inclusive no Aeroporto Internacional do Recife, nas estações do metrô e nos terminais integrados do Sei. Na noite da sexta, passageiros foram resgatados por barcos do corpo de bombeiros em um trecho da Avenida Recife, na Zona Sul do Recife. Mais uma vez o canal Guarulhos, em Jardim São Paulo, Zona Oeste da capital, transbordou invadindo moradias. Além da dificuldade em retirar móveis e outros pertences, os moradores correm o risco de contrair doenças. O vigilante George Soares afirma que o  sofrimento dos vizinhos se repete toda vez que chove: Em Jaboatão dos Guararapes, Região Metropolitana do Recife, moradores da Rua Murilo Braga, em Cavaleiro, estavam muito     apreensivos. A dona de casa Isabel Pereira de Araújo reclama dos problemas da comunidade em pleno dia de temporal: No Imip, um curto-circuito no ar-condicionado interrompeu o trabalho na emergência pediátrica, onde estavam 48 crianças. A  estudante Andrea Maiara estava com o filho de meses no colo na unidade de saúde ela lembra o susto que passou:

Mais Lidas