Movimento diz que redução da tarifa de ônibus no Grande Recife não enfraquece protesto

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 19/06/2013 às 7:05
Leitura:
Da Rádio Jornal PROTESTO_INTER Mesmo com o anúncio do governador do Estado, Eduardo Campos, de reduzir em R$ 0,10 o valor das passagens de ônibus, está mantido o protesto da sociedade civil , na próxima quinta-feira (20), na Praça do Derby, área central do Recife. Organizado por estudantes secundaristas, universitários, entre outros setores da população, o manifesto intitulado de À luta Recife tem o objetivo de criticar não somente a situação dos meios de transporte, como também as mazelas sociais enfrentadas pelo País. Saiba mais no flash de Marcelo Barreto, especial para a Rádio Jornal. RODOVIÁRIOS PROMETEM PARAR NOVAMENTE onibus_interna Oposição rodoviária de verdade confirma parada de três horas consecutivas nesta quinta-feira no recife. Os ônibus da Região Metropolitana do Recife vão ficar parados no período entre às 16h e às 19h. O ato tem como objetivo apoiar a mobilização nacional pela redução das passagens e pressionar os donos das empresas. A oposição rodoviária garante ter o apoio de 90% dos motoristas, cobradores e fiscais. A expectativa é de que ocorram as cenas da última sexta-feira (14) quando o trânsito no Centro do Recife travou. Nesta terça (18), eles convocaram entrevista coletiva para denunciar irregularidades no sindicato presidido por Patrício Magalhães. O grupo dissidente alega que vai ingressar na justiça para anular a eleição que mantem o sindicalista há 30 anos no poder. Aldo Lima da Silva, líder da Oposição de Verdade, diz que a categoria está unida na hora de reivindicar:

Mais Lidas