Após denúncia de espionagem dos EUA, Dilma Rousseff ignora convite para ser recebida na Casa Branca

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 17/09/2013 às 16:22
Leitura:
Atualizada às 18h10 dilmaaaa Foto: Antonio Cruz/ABr A presidente da República não ficou convencida com os argumentos do presidente Barack Obama para as denúncias de que o planalto, assessores da presidenta Dilma Rousseff e a diretoria da Petrobras teriam sido espionados pelos americanos. Por causa disso, Dilma vai a Nova Iorque participar da assembleia da Organização das Nações Unidas (ONU), em 23 de outubro, mas ignorou o convite para ser recebida na Casa Branca. O repórter Romoaldo de Souza, traz mais detalhes da recusa, direto de Brasília: Romoaldo também conversou com Antonio Martins Neto sobra a atual relação do Brasil com os Estados Unidos:

Mais Lidas