Moradores do Cabanga e Coque fecham Avenida Sul em protesto contra atropelamentos

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 04/10/2013 às 8:42
Leitura:
Da Rádio Jornal Foto: Rafael Carneiro/ Rádio Jornal Foto: Rafael Carneiro/ Rádio Jornal Moradores da comunidade do Cabanga e do Coque queimaram pneus fechando os dois sentidos da Avenida Sul, no início da manhã desta sexta-feira (4). Eles protestam contra a insegurança dos pedestres que circulam na via. Desde janeiro já foram registradas 23 mortes por atropelamento no local. Os manifestantes alegam que os Veículos passam pelo trecho em alta velocidade e a comunidade não tem opção para circular no local em segurança. A preocupação aumenta porque nas comunidades há uma grande circulação de crianças e adolescentes da Escola Almirante Soares Dutra e da Orquestra Criança Cidadã. O repórter Rafael Carneiro traz as informações direto do local:

Mais Lidas