Segundo Organização Mundial do Trabalho, mais de 4% das crianças brasileiras trabalham

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 11/10/2013 às 18:00
Leitura:
De acordo com dados recentes divulgados em relatório da Organização Internacional do Trabalho (OIT), os números do trabalho infantil no mundo recuaram um terço entre os anos de 2000 e 2012. No Brasil, o número de crianças e adolescentes trabalhando, entre 5 e 15 anos, caiu de 5,4% para 4,7%. Os convidados, desta sexta-feira (11), na JC News com Everson Teixeira, foram Leonardo Osório Mendonça, procurador do Trabalho, e Eudes Fonseca, da Comissão Executiva do Fórum Estadual de Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil em Pernambuco (Fepetipe). De acordo com o procurador, Manari é a cidade de Pernambuco com o maior número de crianças trabalhando. Não coincidentemente, é também a com menor Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) do estado. Eudes Fonseca conta que algumas crianças choram dizendo que gostariam de voltar a trabalhar, já que não entendem que a situação é insalubre para elas. E você concorda com menores trabalhando na televisão? E em times de futebol? [Ouça programa na íntegra] E a nossa enquete: apesar da queda no número de crianças trabalhando, ainda é possível ver muitas nas ruas. No dia a dia, você indiretamente estimula o trabalho infantil comprando produtos vendidos por menores? No resultado parcial, 88% dos internautas responderam que não compram os produtos.

Mais Lidas