Especialista fala sobre a decisão de colocar o nome do pai no registro do filho sem comprovação

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 23/10/2013 às 10:30
Leitura:
Da Redação A coluna sobre direito de família, desta quarta-feira (23), o advogado João Bosco Tenório falou sobre a decisão do Senado em autorizar a mãe a indicar o nome do pai no registro do filho, sem comprovação. Para passar a valer, o projeto depende de sanção da presidente Dilma Rousseff. Atualmente, a mulher só pode registrar a criança sem a presença do pai, apresentando a certidão de casamento ou uma procuração assinada por ele. Se o homem negar a paternidade, a mulher, para provar quem é o pai do seu filho, tem que recorrer à Justiça. Os detalhes na coluna com o advogado João Bosco Tenório.

Mais Lidas