Polícia Civil apresenta conclusão de inquérito sobre caso de guarda da CTTU que esfaqueou comerciante

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 25/10/2013 às 17:43
Leitura:
Da Rádio Jornal delegada Delegada Patrícia Domingos, responsável pelas investigações.
Foto: Clarissa Siqueira/ Rádio JC News

A Polícia Civil apresentou, na tarde desta sexta-feira (25), na delegacia da Av. Rio Branco, no bairro do Recife, a conclusão do inquérito sobre o caso do guarda da CTTU que teria esfaqueado um motorista após multá-lo por estacionamento irregular. 

O caso aconteceu no dia 24 de setembro, na Rua da Palma, no Bairro de Santo Antônio, área central do Recife. De acordo com a polícia, o guarda da CTTU, Felipe Aguiar da Silva, de 28 anos, teria sido o autor da agressão contra o comerciante Mauro Francisco do Nascimento, de 32 anos.

A repórter Clarissa Siqueira conversou com a delegada Patrícia Domingos, responsável pelas investigações. Ela relatou que os dois serão indiciados. Mauro Francisco por desacato a autoridade e lesão corporal, já que ele deu um soco no guarda da CTTU. O guarda Felipe Aguiar irá responder pela prática de lesão corporal grave.

Ouço os detalhes no flash:

> LEIA TAMBÉM: Familiares de homem esfaqueado por guarda municipal estão insatisfeitos com as investigações Guarda da CTTU suspeito de esfaquear motorista diz que não usou arma e só se defendeu

Mais Lidas