Moradores de Sítio Novo, em Olinda, protestam contra abordagem violenta da polícia

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 28/10/2013 às 9:13
Leitura:
Da Rádio Jornal Foto: Karoline Fernandes/ JC News Foto: Karoline Fernandes/ JC News Durante cerca de um hora moradores queimaram objetos e interditaram a passagem nos dois sentidos da Avenida Correia de Brito, em Sítio Novo, Olinda, na manhã desta segunda-feira (28). Eles reclamam da prisão de uma mulher que ocorreu na última sexta-feira (25) e que, segundo eles, ocorreu por engano. Angelita Vicente da Silva, de 43 anos, segundo os moradores, é uma comerciante informal que foi confundida com um traficante. O trânsito ficou complicado no local. Foto: Karoline Fernandes/ JC News O trânsito ficou complicado no local. Foto: Karoline Fernandes/ JC News Os manifestantes denunciam que as abordagens da polícia costumam ser muito violentas no local. "Não sabem separar ladrão de pai de família", diz um morador. A repórter Karoline Fernandes traz outras informações na reportagem a seguir:

Mais Lidas