Cemitérios do Grande Recife recebem parentes que decidiram antecipar homenagens a finados

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 01/11/2013 às 12:11
Leitura:
Da Rádio Jornal O cemitério de Santo Amaro é o maior  de Pernambuco. Foto: Bernardo Soares/ JC Imagem O cemitério de Santo Amaro é o maior de Pernambuco. Foto: Bernardo Soares/ JC Imagem Esta sexta-feira, dia 1º de novembro, é véspera do Dia de Finados, data em que grande parte da população reserva para lembrar e prestar homenagens a seus entes queridos que já faleceram. No Recife, milhares de pessoas devem visitar os cinco cemitérios espalhados pela cidade, na data. Para evitar as aglomerações, ou por outros motivos, há quem prefira fazer essa visitação já nesta sexta-feira. Serviços no Cemitério de Santo Amaro. Foto: Rafael Carneiro/ Rádio Jornal Serviços no Cemitério de Santo Amaro. Foto: Rafael Carneiro/ Rádio Jornal Quem esteve no cemitério de Santo Amaro na manhã desta sexta, ainda pode se deparar com os últimos retoques feitos pela prefeitura, em trabalhos de limpeza e manutenção, pintura e serviços de iluminação do local. O repórter Rafael Carneiro conta como foi a movimentação no cemitério durante a manhã: A programação do local para o sábado conta com uma missa celebrada pelo Arcebispo de Olinda e recife, Dom Fernando Saburido, às 8h e uma chuva de pétalas às 9h. Os portões do cemitério abrem às 7h. Cemitério Parque das Flores Foto: Karoline Fernandes/ JC News Cemitério Parque das Flores Foto: Karoline Fernandes/ JC News Já no Cemitério Parque das Flores, no bairro do Totó, Zona Oeste do Recife, uma das visitantes que compareceu ao local na manhã desta sexta denunciou que o estado de conservação do cemitério decaiu após passar para a administração da prefeitura. Ouça a denúncia na reportagem de Karoline Fernandes: A programação do Parque das Flores para o sábado (02) inclui missa a cada duas horas, a partir das 8h e a missa das 16h será celebrada por Dom Fernando Saburido.

Mais Lidas