Mesmo sem teste do bafômetro, motorista envolvido em acidente no Ibura é autuado por homicídio


Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 12/11/2013 às 7:43
Leitura:
Da Rádio Jornal Foto: Reprodução/ TV Jornal Foto: Reprodução/ TV Jornal O vigilante Paulo Oliveira Araújo, de 54 anos, envolvido em acidente que matou pedestre no bairro do Ibura, na manhã dessa segunda-feira (11), já está no Centro de Triagem, Cotel em Abreu e Lima. Ele se negou a fazer o teste do bafômetro, mas a polícia encontrou indícios de que ele havia ingerido bebida alcoólica. Ele foi autuado por homicídio doloso. No depoimento, o motorista do Monza não soube explicar como atropelou a vítima na Avenida Dom Hélder Câmara. A vítima, Luiz Bezerra de Andrade, de 55 anos, tinha como costume fazer caminhadas logo cedo. O comerciante andava no canteiro central quando foi atingido pelo carro que vinha na contramão e em alta velocidade. Revoltados com a tragédia, os familiares do pedestre tentaram agredir o vigilante Paulo Oliveira Araújo. O policial militar Charles Medeiros resumiu as poucas informações coletadas no local do atropelamento: O corpo de Luiz Bezerra de Andrade, que era casado e pai de cinco filhos será sepultado nesta terça-feira (12). O perito do Instituto de Criminalística Alcides Buarque explica que os ferimentos da vítima apontam alta velocidade do veículo:

Mais Lidas