Projeto de R$ 40 milhões vai levar internet e telefonia móvel a distritos rurais de Pernambuco

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 15/11/2013 às 15:50
Leitura:
computador O Governo de Pernambuco apresentou, nesta sexta-feira (15), o cronograma de implantação do serviço de telefonia e internet 3G que será inserido nas vilas e distritos rurais do Estado. A iniciativa faz parte do programa de inclusão sociodigital Conexão Cidadã. Mais de um milhão de pernambucanos, que não têm acesso ao serviço de telefonia ou internet, vão ser beneficiados. O governador Eduardo Campos afirma que a iniciativa é importante para atenuar as desigualdades sociais. O programa é coordenado pela Secretaria de Ciência e Tecnologia do Estado. A empresa habilitada para o fornecimento da rede é a Vivo. O diretor regional nordeste da operadora, Marcelo Tanner, explica que foi investido cerca de R$ 40 milhões na iniciativa. Até 31 de dezembro, os distritos de Tupaoca (no município de Aliança), Bizarra (Bom Jardim), Umari (Bom Jardim), Carapotós (Caruaru), Gonçalves Ferreira (Caruaru), Frexeiras (Escada), Tejucopapo (Goiana), Ponta de Pedras (Goiana), Ibiranga (Itambém), Urucuba (Limoeiro), Umburetama (Orobó), Cimbres (Pesqueira), Maniçoba (São Caetano), Pirituba (Vitória de Santo Antão) e Fátima (Flores) receberão o sinal da Vivo. Até março de 2014, mais 45 localidades serão contempladas e, até junho, outras 65, completando as 125 vilas e distritos que terão acesso à conexão de voz e dados da operadora. A repórter Suzana Mateus traz os detalhes na matéria:

Mais Lidas