Sob ameaça de greve dos servidores, prefeitura de Jaboatão lança concurso público


Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 19/11/2013 às 14:50
Leitura:
Da Rádio Jornal Foto: Helia Scheppa/JC Imagem Foto: Helia Scheppa/JC Imagem

Em assembleia realizada nesta terça-feira (19), os servidores municipais de Jaboatão dos Guararapes, na Região Metropolitana do Recife, decidiram entrar em greve a partir da próxima segunda-feira (25). A decisão foi tomada a partir da aprovação de uma lei que redefine as normas do plano de cargos e salários dos servidores.

De acordo com o sindicato dos servidores municipais de Jaboatão a aprovação do Projeto de Lei congela as gratificações, hoje paga de forma percentual. Silas Ferreira, vice-presidente do Sindicato dos Servidores Municipais de Jaboatão dos Guararapes condena a medida.

Ainda em desacordo com a aprovação do projeto, que entra em vigor em dezembro, os professores, também atingidos, protestaram em frente do prédio sede do administrativo.

Por outro lado, o prefeito Elias Gomes anunciou medidas de valorização dos servidores e defende a redefinição das normas. Entre elas: a redução em 50% no número de cargos comissionados e anúncio de concurso público para substituir vagas de contratados.

O edital será lançado até dezembro deste ano e o concurso vai oferecer mais de 2400 vagas para as seguintes áreas: médicos, psicólogos, enfermeiros e técnicos de enfermagem, dentistas, assistentes sociais, engenheiros, arquitetos, analistas de sistemas, técnicos em planejamento, fiscais do controle urbano, guardas municipais e agentes de trânsito. O maior número de vagas ofertadas, um total de 800 vagas, será destinado aos profissionais de saúde.

Em relação a possibilidade de paralisação dos servidores, o prefeito Elias Gomes adianta que irá encarar com tranquilidade, mas afirma que a prefeitura não vai assisitir de braços cruzados um debate equivocado. Ele explica que reunirá pais, usuários do serviço público e os veículos de comunicação para explicar as medidas.

O município conta com mais de 10 mil funcionários das diversas modalidades. Na oportunidade, também foi divulgado o calendário de pagamento dos servidores municipais. O salário de novembro será pago no dia 28 deste mês; no dia 13 de dezembro será realizado o pagamento do 13º salário em uma parcela; e no dia 20 de dezembro o pagamento do mês. O valor total destas três folhas vai injetar R$ 70 milhões na economia do município.

O repórter Rafael Carneio, da Rádio Jornal, traz essas informações na reportagem:


Mais Lidas