Governo apresenta alternativas para a mobilidade urbana durante a Copa de 2014


Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 21/11/2013 às 15:07
Leitura:
Da Rádio Jornal  Foto: Bobby Fabisak/JC Imagem Corredor exclusivo para ônibus Leste-Oeste ainda não foi finalizado.
Foto: Bobby Fabisak/JC Imagem

Há 200 dias de receber o maior evento de futebol, a Copa do Mundo de 2014, a Secretaria Extraordinária da Copa (Secopa) apresentou, nesta quinta-feira (21), o balanço dos trabalhos no Estado. De acordo com o governo do Estado, o prazo final para entregar o conjunto de obras é 15 de maio de 2014, data em que a Fifa assume a responsabilidade sobre a Arena Pernambuco.

De um total de 19 construções, seis ainda faltam ser entregues. Corredores exclusivos para ônibus, a Via Mangue e a parte externa da Radial da Copa estão entre as obras mais importantes.

Outro ponto negativo registrado durante a realização da Copa das Confederações este ano foi a dificuldade das seleções participantes no acesso aos Centros de Treinamentos Oficiais. A Prefeitura do Recife, por meio da Secretaria Executiva da Copa, está investindo cerca de R$ 3 milhões na pavimentação de vias próximas para melhorar a chegada das seleções.

Um calendário alusivo ao evento também foi apresentado e vai ser distribuído pela Companhia Editora de Pernambuco (Cepe). Para marcar a contagem regressiva de 200 dias, a Secopa vai promover o evento no próximo domingo (24), no Alto da Sé, em Olinda.

O investimento total em obras para a Copa do Mundo em Pernambuco totaliza cerca de R$ 1,5 milhão.

O repórter Rafael Carneiro conversou com o secretário extraordinário da Copa, Ricardo Leitão:

Mais Lidas