Com oposição se recusando a votar, Lei Orçamentária e Plano Plurianual são aprovados no Recife

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 28/11/2013 às 15:33
Leitura:
Em tempo recorde, o prefeito do Recife, Geraldo Julio, conseguiu a aprovação da Lei Orçamentária Anual (LOA) e do Plano Plurianual (PPA) de 2014 a 2017. A votação foi de 29 votos a favor e nenhum contra. O bloco de oposição se retirou do plenário, se recusando a votar. Em entrevista à JC News com Aldo Vilela, o vereador Raul Jungmmann (PPS) disse que a oposição se retirou para não participar do que ele chamou de irresponsabilidade. De acordo com ele, relatórios importantes que vão comprometer a vida dos recifenses pelos próximos anos não chegaram a tempo de serem corretamente avaliados, indignando vereadores. Já segundo o presidente da Câmara, Vicente André Gomes (PC do B), há 30 dias as informações estão disponíveis para os vereadores na internet. Ainda de acordo com ele, 140 emendas foram solicitadas. Para o presidente da Câmara, a retirada da oposição se tratou apenas de uma ação política esvaziada de sentido.

Mais Lidas