Secretário de Saúde afirma que afastamento do cargo foi por motivos políticos


Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 28/11/2013 às 17:49
Leitura:
Da Rádio Jornal Foto: JC Imagem Foto: JC Imagem

Antônio Carlos Figueira continua no cargo de secretário de Saúde de Pernambuco. O Tribunal Regional Federal(TRF) derrubou a liminar que afastava Antônio Figueira do cargo, instituída na última terça-feira (26). A medida também suspendeu o retorno das atividades no Centro de Transplante de Medúla Óssea do Hemope (CTMO), paralisadas desde 2011. De acordo com o secretário, o que provocou o afastamento foi o fechamento do CTMO e disputas políticas.

O secretário afirmou que o afastamento temporário não vai afetar o trabalho. A Procuradoria Geral da União vai apresentar pedido de apelação ao TRF em até 30 dias.

A repórter Clarissa Siqueira conversou com o secretário de Saúde do Estado, Antônio Figueira:

Leia Também: Advogado vai recorrer de decisão que mantém secretário de saúde de Pernambuco

Mais Lidas