Após atraso nas obras, maternidade do Cisam é entregue à população

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 02/12/2013 às 15:26
Leitura:
cisan No Cisam está a maior maternidade de Pernambuco Foto: Aluisio Moreira/ SEI Em meio a atrasos de seis meses nas obras, a maternidade do Centro Integrado Amaury de Medeiros (Cisam), localizada no bairro da Encruzilhada, na Zona Norte do Recife, foi entregue à população, nesta segunda-feira (2). A unidade é considerada a maior maternidade de Pernambuco em números de atendimentos e é referência no atendimento de gravidez de alto risco. O secretário de Ciência e Tecnologia, Marcelino Granja, explicou que a reforma do Cisam faz parte de um pacote de investimentos para a construção de novas unidades, que tem um custo total de R$ 100 milhões. A obra do Cisam teve um custo total de R$ 15 milhões. A repórter Karoline Fernandes conversou com o secretário e com o governador de Pernambuco, Eduardo Campos: O Cisam está integrado aos cursos de graduação, pós-graduação, residência e mestrado da Faculdade de Ciências Médicas, da Universidade de Pernambuco (UPE).

Mais Lidas