TJPE analisa pedidos de habeas corpus dos vereadores de Caruaru


Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 21/12/2013 às 21:57
Leitura:
Da Rádio Jornal Os vereadores foram encaminhados para a penitenciária Juiz Plácido de Souza Foto: TV Jornal Os vereadores foram encaminhados para a penitenciária Juiz Plácido de Souza
Foto: TV Jornal

Tribunal de Justiça de Pernambuco analisa neste final de semana pedidos de habeas corpus dos vereadores de Caruaru, no Agreste do Estado, presos suspeitos de corrupção.

Sivaldo Oliveira, Cecílio Pedro, Pastor Jadiel, Val das Rendeiras, Louro do Juá, Jajá, Eduardo Cantarelli, Neto e Evandro Silva são suspeitos de extorquir o prefeito José Queiroz para aprovar na câmara um projeto milionário.

O grupo continua detido na penitenciária Juiz Plácido de Souza e segundo a direção não tem regalias. A policia segue as investigações e nesta sexta-feira (20) ouviu outros parlamentares e integrantes da prefeitura.

O prefeito de Caruaru explica que os acusados não chegaram a manter contato para pedir propina. Ele revelou que a denúncia não partiu do executivo e negou ter recebido ameaças por conta da operação Ponto Final. José Queiroz afirma que as suspeitas surgiram a partir dos comentários sobre o projeto na própria cidade:


Mais Lidas