Após acidente de ônibus, banda paulista Raça Negra já volta aos palcos na sexta (24)

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 21/01/2014 às 10:30
Leitura:
Da Redação acidente-raca-negra-jc Foto: JC Imagem Depois de passar por acidente na BR-101 Norte em Goiana, na madrugada dessa segunda-feira (20), e com três integrantes da banda feridos ainda no hospital, a banda Raça Negra já tem data para voltar aos palcos. O grupo de pagode Raça Negra vai se apresentar na próxima sexta-feira (24), na cidade de Mongaguá, em São Paulo. De acordo com a assessoria dos artistas, as apresentações que seriam em Salvador, na Bahia, na segunda-feira (20) e no Rio de Janeiro nesta terça-feira (21), foram canceladas. O ônibus, com 22 pessoas derrapou na pista, bateu na mureta, capotou e foi atingido por uma carreta. O grupo vinha de Natal, capital do Rio Grande do Norte com destino ao Aeroporto Internacional do Recife. » Leia também: Descuido de motorista pode ter ocasionado acidente no ônibus que transportava grupo Raça Negra Os feridos foram socorridos para a UPA de Igarassu e o Hospital Miguel Arraes em Paulista, três deles permanecem internados. O auxiliar Edson Alves, o iluminador Cícero Silva e o saxofonista Marcos França se recuperam de cirurgias. De acordo com o último boletim médico, o saxofonista Marcos Roberto França, que sofreu um afundamento no rosto, foi submetido a cirurgia e está estável, assim como o integrante João Roberto da Silva, que também está estável, o assistente de palco Edson Alves passou por uma cirurgia e está na UTI. Ainda de acordo com o boletim Alex Edwin Ordenes Vergara, ainda se encontra no Hospital Miguel Arraes, já o iluminador de led, Cícero Silva, foi transferido para o hospital Pelópidas Silveira, no bairro Curado, onde foi submetido a exames e pode passar por cirurgia. Ao todo 22 pessoas da banda estavam no veículo, no momento do Acidente Ouça os detalhes do boletim médico no flash de Carlos Simões, especial para a Rádio Jornal: luiz-carlos-i-simoes Após ser atendido em UPA, vocalista foi visitar demais integrantes no hospital Foto: Carlos Simões/ Especial para a Rádio Jornal O vocalista do Raça Negra, Luiz Carlos lembra que o motorista "deu um vacilo" na hora de fazer a curva: O ônibus envolvido no acidente pertence a empresa Selva Tur, de Fortaleza, e era dirigido por Francisco de Assis Vieira. A cena atraiu a atenção de outros motoristas e foram registrados depois um engavetamento e uma colisão com moto. Quem circula pela área reconhece o perigo, já que a sinalização de velocidade máxima de 80 Km/ h não é respeitada. Gina Garcia, backing vocal do grupo, explica que diante das circunstâncias o motorista pode ter cochilado

Mais Lidas