Após acidente de ônibus, banda Raça Negra já volta aos palcos na sexta-feira


Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 21/01/2014 às 7:51
Leitura:
Do Redator de Plantão Atualizado às 9h5 Foto: JC Imagem Foto: JC Imagem Depois de passar por acidente na BR-101 Norte em Goiana, na madrugada dessa segunda-feira (20), e com três integrantes da banda feridos ainda no hospital, a banda Raça Negra já tem data para voltar aos palcos. O grupo de pagode Raça Negra vai se apresentar na próxima sexta-feira (24), na cidade de Mongaguá, em São Paulo. De acordo com a assessoria dos artistas, as apresentações que seriam em Salvador, na Bahia, na segunda-feira (20) e no Rio de Janeiro nesta terça-feira (21), foram canceladas. O ônibus, com 22 pessoas derrapou na pista, bateu na mureta, capotou e foi atingido por uma carreta. O grupo vinha de Natal, capital do Rio Grande do Norte com destino ao Aeroporto Internacional do Recife. Leia tambémIntegrante da banda Raça Negra suspeita de falha Humana no acidente do grupo, na BR- 101 Os feridos foram socorridos para a UPA de Igarassu e o Hospital Miguel Arraes em Paulista, três deles permanecem internados. O auxiliar Edson Alves, o iluminador Cícero Silva e o saxofonista Marcos França se recuperam de cirurgias. De acordo com o último boletim médico, o saxofonista Marcos Roberto França, que sofreu um afundamento no rosto, foi submetido a cirurgia e está estável, assim como o integrante João Roberto da Silva, que também está estável, o assistente de palco Edson Alves passou por uma cirurgia e está na UTI. Ainda de acordo com o boletim Alex Edwin Ordenes Vergara, ainda se encontra no Hospital Miguel Arraes, já o iluminador de led, Cícero Silva, foi transferido para o hospital Pelópidas Silveira, no bairro Curado, onde foi submetido a exames e pode passar por cirurgia. Ao todo 22 pessoas da banda estavam no veículo, no momento do Acidente Ouça os detalhes do boletim médico no flash de Carlos Simões, especial para a Rádio Jornal: Em visita ao hospital, mesmo machucado, cantor é assediado por fãs. Foto: Carlos Simões/ Especial para a Rádio Jornal Após ser atendido em UPA, vocalista foi visitar demais integrantes no hospital. Foto: Carlos Simões/ Especial para a Rádio Jornal O vocalista do Raça Negra, Luiz Carlos lembra que o motorista deu um vacilo na hora de fazer a curva: O ônibus envolvido no acidente pertence a empresa Selva Tur, de Fortaleza, e era dirigido por Francisco de Assis Vieira. A cena atraiu a atenção de outros motoristas e foram registrados depois um engavetamento e uma colisão com moto. Quem circula pela área reconhece o perigo, já que a sinalização de velocidade máxima de 80 Km/ h não é respeitada. Gina Garcia, backing vocal do grupo, explica que diante das circunstâncias o motorista pode ter cochilado

Mais Lidas