Comerciantes da praia de Boa Viagem recebem orientações da vigilância sanitária


Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 23/01/2014 às 16:10
Leitura:
3cba58e49d3b6b3a82d43cbfe7a41226 Foto: Diego Nigro / JC Imagem Os vendedores do Comércio Informal da Orla de Boa Viagem foram inspecionados nesta quinta-feira (23) pela Vigilância Sanitária. A fiscalização foi realizada nas barracas localizadas entre as ruas Henrique Capitulino e Antônio Falcão, que correspondem aos setores C, D e E da divisão feita pela Prefeitura do Recife (PCR), e comportam 192 barraqueiros. Nesta sexta-feira (24) uma nova visita aos barraqueiros será realizada. O objetivo da ação é orientar e educar os barraqueiros sobre os cuidados que devem ter na vendas de alimentos. Entre os pontos que serão observados estão: mau condicionamento de alimentos, falta de água corrente, pessoas trabalhando com os cabelos soltos, entre outros. Identificada alguma dessas irregularidades, a Vigilância Sanitária orientará os comerciantes e descartará alimentos tratados de forma imprópria. A chefe do setor de alimentos e produtos da vigilância do Recife, Geise Belo, destaca as novas exigências, e esclarece que os consumidores também devem ficar atentos aos alimentos que consomem nas praia. Um curso de capacitação para orientar melhor os trabalhadores está marcado para entre os dias 27 a 29 de janeiro, na Faculdade Pernambucana de Saúde (FPS). Nesse encontro, as 192 das 622 pessoas que compõem a área serão orientadas. A partir de fevereiro, depois que os comerciantes tiverem passado pelas orientações, serão feitas fiscalizações mais rigorosas. Segundo a Vigilância Sanitária, ainda não foi definido o que será feito no caso de comerciantes que insistirem em irregularidades, mesmo depois da capacitação.

Mais Lidas