Parentes de detentos denunciam maus tratos no Complexo Aníbal Bruno


Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 03/02/2014 às 14:26
Leitura:
anibal Foto: Guga Matos / JC Imagem Representantes da Ordem dos Advogados do Brasil seccional Pernambuco (OAB-PE) iniciaram nesta segunda-feira (03), uma série de visitas em unidades prisionais do estado. A iniciativa vem sendo realizada pelo órgão em outros estados com o objetivo de averiguar o cumprimento dos direitos humanos nos centros de ressocialização. O ponto de partida ocorreu no Complexo Penitenciário Aníbal Bruno, no Sancho, na zona oeste do Recife, onde cerca de 6 mil detentos dividem espaço em três presídios. Na pauta, infraestrutura, condições de higiene e acesso à advocacia e segurança. Logo na entrada da unidade, familiares de reeducando apoiavam a visita. Além desta, mais outras 8 unidades da região metropolitana do recife e zona da mata também vão ser vistoriadas e um relatório com o diagnóstico do sistema carcerário será elaborado até o final deste mês. O presidente da ordem dos advogados do brasil em Pernambuco Pedro Henrique Alves, detalha o trabalho do órgão. A medida da OAB, foi adotada a partir dos incidentes de violência e brutalidade em presídios do estado do maranhão. As imagens chamaram a atenção das organizações das nações unidas, ONU, sobre as condições do sistema prisional no país.

Mais Lidas