Com habeas corpus, dois vereadores deixam penitenciária de Caruaru nesta quarta (5)


Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 05/02/2014 às 7:46
Leitura:
Do Redator de Plantão Atualizado às 12h Foto: Acervo JC Imagem Foto: Acervo JC Imagem Beneficiados com habeas corpus, os vereadores Evandro Silva e Val das Rendeiras deixam nesta quarta-feira (5) a penitenciária Juiz Plácido de Souza, em Caruaru. A liminar foi concedida pelo desembargador Gustavo Augusto Lima, da Quarta Vara Criminal do TJPE. A decisão também contemplou os parlamentares Neto, Pastor Jadiel Nascimento e Val do Democratas. A ordem judicial deve chegar ao fórum na manhã desta quarta e os dois vereadores devem ser liberados até o final da tarde. A repórter Michelle Veloso, da Rádio Jornal Caruaru, detalha a decisão pelo Habeas Corpus: Os cinco são acusados de organizar uma comissão parlamentar de inquérito CPI para depois cobrar favores a prefeitura de Caruaru. Eles e outros cinco parlamentares foram presos na operação Ponto Final um, deflagrada em dezembro de 2013. De acordo com a polícia, o grupo negociava cobrança de propina no valor de R$ 2 milhões para aprovar projetos na câmara. Na terça-feira (4), as atividades foram retomadas no legislativo e o presidente da casa Leonardo Chaves se mostrava otimista: Leia também: Câmara de Vereadores de Caruaru volta às atividades depois de recesso; - Vereadores de Caruaru podem ser liberados a qualquer momento; - Cinco vereadores de Caruaru têm prisão decretada novamente pela justiça; - Em Caruaru, 10 vereadores são presos suspeitos de prática de corrupção.

Mais Lidas