Carnaval deve movimentar cerca de R$ 1,5 bilhão no nordeste brasileiro

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 19/02/2014 às 17:38
Leitura:
debate carnaval economia O debate na JC News com Everson Teixeira, desta quarta-feira (19), discutiu carnaval e economia. Participaram do programa Eduardo Cavalcante, presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis em Pernambuco (ABIH-PE), Marcelo Viana, um dos organizadores do camarote Galo Vip Gold, e Maurício Galvão, secretário de Desenvolvimento Econômica e de Tecnologia de Olinda. E a nossa enquete: Segundo levantamento realizado pelo Ministério do Turismo, em janeiro deste ano, o estado de Pernambuco está entre os três principais destinos brasileiros escolhidos pelos turistas durante a folia de momo, chegando a receber mais de 800 mil visitantes neste período. A estimativa é que a capital do frevo, junto à Bahia e o Ceará, gere uma movimentação financeira de aproximadamente R$ 1,55 bilhão no nordeste, além da geração de empregos direta e indireta. Cada vez mais, observa-se a presença de espaços privados na festa conhecida como democrática, sobretudo em Pernambuco. Os camarotes chegam a receber mais de mil pessoas, oferecendo ao público diferentes serviços como espaço climatizado, comida e bebida, maquiadores, bandas e massoterapeutas. Sobre o assunto, nós queremos saber: você acha justo existir espaços privados, e em locais privilegiados, na festa de Momo?

Mais Lidas