Morre o deputado federal Sérgio Guerra, presidente do PSDB em Pernambuco

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 06/03/2014 às 9:30
Leitura:
Da Redação com informações do JC Online Atualizada às 16h20 sergio-guerra-jc Fotos: JC Imagem Faleceu na manhã desta quinta-feira (06), vítima de um câncer, o deputado federal Sério Guerra, presidente estadual do Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB). A morte foi confirmada pela deputada estadual Terezinha Nunes (PSDB), em entrevista à Rádio JC News, com o âncora Aldo Vilela. Sérgio deixou dois filhos e duas filhas. "Ele estava se tratando de um câncer, mas teve uma piora por conta de uma pneumonia e não resistiu, falecendo hoje pela manhã. O PSDB está muito triste, porque Sérgio Guerra era um grande líder, tanto em Pernambuco quanto no Brasil. Era uma pessoa muito querida", disse. Confira a entrevista no link abaixo. O deputado federal Bruno Araújo, vice-presidente da legenda no âmbito nacional, também falou sobre o falecimento do Sérgio Guerra. Confira. Sergio-Guerra-JC-02 Sérgio Guerra ocupava cadeira de deputado federal, no cumprimento do quarto mandato na Câmara, sendo três por legislaturas consecutivas (1991/95, 1995/1999 e 1999/2003) e a atual (2011/2015). O hiato se deveu ao mandato de senador (2003/2011), eleito em 2002 na chapa do governador reeleito Jarbas Vasconcelos (PMDB), juntamente com o senador Marco Maciel (PFL, hoje DEM). [Ouça obituário na voz de Robson Wagner] Antes da atuação no Congresso Nacional, teve dois mandatos de deputado estadual em Pernambuco, exercidos entre 1983 e 1991. Formado em economia pela Universidade Católica de Pernambuco (Unicap), Severino Sérgio Estelita Guerra nasceu no Recife, em 9 de novembro de 1947, tendo origem em uma família com tradição política. O pai, Pio Genésio Guerra, e o irmão José Carlos Guerra foram deputados federais. Iniciou a vida pública militando no movimento estudantil, já no período militar, mas sem posto de liderança. Em 32 anos de vida política, passou por quatro partidos, circulando entre a centro-esquerda e a esquerda democrática. O PMDB foi a primeira legenda, tendo se filiado ao partido que representou a oposição ao regime militar de 64 em 1981. Também atuou no PDT e PSB antes de se filiar ao PSDB. Em entrevista à JC News com Aldo Vilela, o deputado estadual Betinho Gomes (PSDB) disse que Pernambuco está órfão de um grande líder político. O atual prefeito de Jaboatão dos Guararapes, Elias Gomes, falou sobre a importância de Sérgio Guerra, um político durante 24 horas, na construção do partido em Pernambuco e no fortalecimento nacional do PSDB. E o deputado estadual Daniel Coelho (PSDB) fala sobre a sucessão à presidência estadual do partido. Para o deputado, o luto pela perda de Guerra deve ser respeitado para só então se pensar em um novo nome para a liderança: Em entrevista à JC News com Everson Teixeira, o secretário estadual da Criança e da Juventude falou sobre a amizade com Guerra, que existia há mais de 30 anos, e disse que ele não estava preso a uma política de interesses: E nos links abaixo confira uma das últimas entrevistas de Sérgio Guerra ao Sistema Jornal do Commercio de Comunicação, que foi ao ar no dia 24 de agosto de 2013, ao comunicador Aldo Vilela:

Mais Lidas