Polícia Militar promete "tolerância zero" para possíveis brigas de torcidas no Clássico das Multidões

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 12/03/2014 às 10:00
Leitura:
Da Redação Atualizada às 19h tumuto-torcidas-organizadas-sport-santa-jc Registro da confusão do último clássico entre Sport e Santa, na semana passada Foto: Alexandre Gondim / JC Imagem O Ministério Público de Pernambuco deu mais força à iniciativa do deputado estadual, Betinho Gomes contra a violência em jogos de futebol. Foi apresentado na tarde desta terça-feira (11) uma solicitação do MP junto ao Juizado do Torcedor, para que as torcidas organizadas sejam banidas dos estádios durante um ano. O promotor José Bispo comentou que o MP chegou à conclusão depois do clássico entre Sport e Santa Cruz, que ocasionou transtornos nas ruas do Recife, na semana passada. Para a partida desta quarta (12), entre o tricolor e o rubro negro, o policiamento será reforçado para garantir maior segurança no entorno do estádio e na região central da cidade, vias que dão acesso à Ilha do Retiro, no bairro da Ilha do Leite. O coronel João Neto detalhou que o esquema de segurança montado para o jogo desta noite (12) vai ter um reforço do policiamento com grupos táticos em vans e um emprego direto de 720 policiais. A repórter Katarina Vieira traz os detalhes: Em entrevista à JC News com Antonio Martins Neto, o juíz do Juizado do Torcedor, Ailton Alfredo de Souza, comenta a atitude das organizadas e o posicionamento da Justiça nesses casos:

Mais Lidas