Termina greve dos Correios e começa esquema para atualizar entregas atrasadas


Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 14/03/2014 às 7:44
Leitura:
Da Rádio Jornal  Foto: JC Imagem Foto: JC Imagem Depois de mais de 40 dias de greve, as atividades dos Correios voltam ao normal a partir desta sexta-feira (14). A expectativa dos funcionários da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT) é que os volumes acumulados sejam entregues em até duas semanas. A greve foi considerada irregular pelo Tribunal Superior do Trabalho, e exigia que se os carteiros e demais servidores voltassem às atividades sobre pena de pagamento de multa por cada dia não trabalhado. Para suprir a demanda de carga postal acumulada, o órgão informou que vai manter o ritmo de trabalho estabelecido desde o início da paralisação, quando foi implantando um plano para suprir a demanda. A causa principal da greve foi a troca do plano de saúde dos funcionários, que não aceitavam migrar para um serviço inferior ao que possuíam. A paralisação começou no dia 29 de janeiro e teve aderência de 4.800 concursados, em 15 estados brasileiros. Em Pernambuco, 23% dos 3.900 empregados aderiram ao movimento.

Mais Lidas